Seguros cobrem danos causados por alagamentos?

As “águas de março” que fecham o verão brasileiro tem deixado vários prejuízos e receios aos motoristas e às cidades. Nesse período, os sinistros aumentam cerca de 40% em relação ao restante do ano, de acordo com os dados da Federação Nacional de Seguros Gerais (FenSeg). Ainda segundo a FenSeg, casos de carros submersos em água doce aumentam em 15%.

Muitos proprietários de veículos perguntam se apólices de seguros oferecem cobertura a danos provocados por enchentes.

A Araújo Braz Corretora de Seguros responde

Alagamentos e enchentes têm sim cobertura nos planos completos do seguro auto, assim como quaisquer outros desastres naturais, como ressaca (água do mar que invade e ultrapassa a orla da praia), vendaval, granizo e terremoto. As coberturas devem estar especificadas na apólice, portanto o assegurado deve conhecer todas as cláusulas deste documento.

De acordo com a Superintendência de Seguros Privados (Susep), a proteção é exigência nos pacotes completos desde 2004. Mas essa cobertura só é válida para danos causados diretamente pelo desastre natural. O seguro não prestará cobertura caso for comprovado que o condutor expôs o veículo ao risco deliberadamente.

Cuidados na direção

Durante enchentes, alagamentos e inundações, o recomendável é não tentar dar a partida no veículo caso ele tenha morrido. Também não se deve atravessar um trecho onde o nível da água esteja maior que o limite para travessias estabelecido pela montadora.

Exclusão de cobertura

A negativa de cobertura para danos provocados por mau uso do veículo não valem apenas para alagamentos e enchentes.

No caso da ressaca, por exemplo, pode ou não haver cobertura. Não são todas as seguradoras que cobrem danos provocados por água salgada. Mas essa cobertura existe, e é possível contratá-la.

Só que a cobertura para ressaca é válida quando o carro está na rua ou estacionado e a maré o atinge. Não seria válida, por exemplo, se o motorista resolver dirigir na areia da praia e se aproximar do mar.

Aliás, danos causados ao veículo quando ele trafega por estradas ou caminhos impedidos, não abertos ao tráfego ou de areias fofas ou movediças jamais são cobertos.

Higienização

As seguradoras também podem oferecer, em seus pacotes completos, serviços de higienização e troca de estofado no caso de alagamento do veículo. Além do dano provocado por lama e água no interior do veículo, é preciso verificar também se a parte mecânica do carro foi prejudicada pela sujeira das cheias.

7 cuidados para garantir a cobertura em caso de enchente

  1. Opte pela apólice completa do seu veículo;
  2. Mantenha o veículo em local seguro durante a noite;
  3. Em caso de enchente, ligue imediatamente para a seguradora;
  4. Evite que motoristas não inclusos na cobertura conduzam o carro;
  5. Nunca acelere o veículo para fugir da enchente;
  6. Se estiver no litoral, evite dirigir perto da praia: o seguro não inclui submersão em água salgada;
  7. Dê preferência aos serviços de guincho e limpeza oferecidos pela seguradora.

Contrate o seu seguro auto

Acesse o link e preencha seus dados no formulário. A Araújo Braz Corretora de Seguros retorna seu contato e esclarece todas as suas dúvidas na hora de fazer a cotação. Oferecemos toda a análise das apólices nas principais seguradoras do país, para que seja feita a melhor escolha: a sua escolha!

 

Facebook Comments
%d blogueiros gostam disto: