Espasmo na coluna: entenda o que é e aprenda a evitar

Tanto os muitos de nós sedentários quanto os atletas de alto rendimento estão sujeitos a várias lesões dos mais diversos tipos. Durante o jogo entre Brasil e Sérvia, pela primeira fase da Copa do Mundo Rússia 2018, o lateral brasileiro Marcelo foi substituído logo no começo da partida por sentir uma lesão nas costas conhecida como espasmo na coluna.

Mas afinal, o que é espasmo na coluna?

O espasmo na coluna, ou espasmo muscular na lombar, é provocado por queda, torção, contrações repentinas nos músculos, por vezes causado por um excesso de esforço, ou pelo famoso “mau jeito”.

A fadiga muscular pode ocorrer também como reflexo de outras lesões, como uma infecção ou uma hérnia de disco, por exemplo.

O que acontece com a musculatura?

Quando ocorre a lesão lombar, os músculos ficam rígidos e sofrem contrações involuntárias, provocando muita dor e incapacidade de relaxamento.

No caso do lateral da seleção, foi dada como causa certa a variação dos colchões dos hotéis nos quais o time brasileiro se hospedou na Rússia. Mas, sozinho, o colchão macio não pode ser considerado como causa da lesão. Porém, pode ter contribuído muito para o seu agravo.

Espasmos na coluna, dormir de mau jeito

Segundo ortopedistas, quando dormimos em um colchão inapropriado, a musculatura tende a não relaxar e fazer com que a coluna vertebral não fique reta, sobrecarregando as articulações.

Outra possível causa da lesão tem origem emocional. O estresse excessivo, a ansiedade e preocupação podem deixar nosso corpo com um nível de tensão propenso a fadiga muscular. Quando estamos nesse estado, não conseguimos relaxar direito.

Como tratar?

Após um espasmo, a recomendação médica é o repouso total e o tratamento da dor com analgésicos relaxantes musculares e antiinflamatórios não-esteróides, muitos deles sem a necessidade de prescrição prévia. Além destes, a fisioterapia e a massagem local também são indicadas.

E como evitar?

Sabemos que o estresse em excesso causa sérios problemas à nossa saúde. O primeiro passo é evitar que a ansiedade tome conta de nossa mente. Exercícios leves, como caminhada e yoga ajudam a nos dar o equilíbrio que precisamos, isso sem mencionar nos inúmeros benefícios que tais atividades nos trazem.

Outra dica é manter-se hidratado e consumir fibras, proteínas e vitaminas, que auxiliam no metabolismo e ajudam no relaxamento dos músculos.

Se o problema persistir, a orientação médica e a fisioterapia continuada podem ajudar a aliviar as dores e prevenir espasmos.

Consulte o médico

Use seu plano de saúde para realizar o acompanhamento com o profissional habilitado. Consulte a operadora de seu plano para saber sobre a rede credenciada e ver quais ortopedistas e fisioterapeutas atendem pelo seu convênio.

Ainda não tem um plano de saúde? A ab. Corretora oferece planos das principais operadoras de saúde do Brasil. Só quem tem a confiança do mercado segurador pode lhe prestar o melhor auxílio na hora de contratar planos de saúde, seguros, consórcios e previdência privada. #aoseuladosempre é a nossa marca!

Faça seu plano de saúde com a ab. Corretora

Facebook Comments
%d blogueiros gostam disto: