Crises de ansiedade destroem sua produtividade e seus resultados

Está ansioso? Talvez esteja tentando controlar tudo e da pior maneira possível. Ao depararmos com essa situação de estresse, ficamos cegos pela vontade de tomar o controle do nosso tempo e das nossas ações. A verdade é que passamos por crises de ansiedade e os sintomas físicos e psíquicos acabam afetando nossa produtividade e a qualidade do resultado que entregamos em nosso trabalho.

Afinal, o que é ansiedade?

Definimos a ansiedade quando deixamos o sentimento de preocupação, apreensão e medo tomarem conta dos nossos pensamentos. Uma preocupação exacerbada por certa situação que em breve pode surgir, se tal situação vai ser boa ou ruim ou quais as consequências serão produzidas por essa ocorrência.

Existem ao menos cinco tipos mais comuns de ansiedade, que podemos destacar:

Ansiedade genaralizada

Preocupar-se com tudo o que está em volta, mesmo que tais coisas não afetem nossas vidas. Agir assim por mais de três meses pode ser perigoso para a saúde mental e se tornar um hábito maléfico.

Transtorno de Ansiedade

Síndromes, fobias, obsessão, TOC, distúrbios, estresse em excesso, nervosismo e sintomas que impedem a pessoa de uma convivência amistosa com outras e consigo mesma.

Ansiedade Social

Temor por interações sociais. Pessoas assim não se sentem bem quando se relacionam com outras, mesmo sendo familiares.

Crises de Ansiedade

As crises são sintomas físicos notáveis, como suor, frio, falas engasgadas, boca seca.

Ataques de Ansiedade

Ataques são os famosos “Porquês” da vida. Esse estágio da ansiedade acontece quando a pessoa se questiona sobre o motivo de tudo. “E se eu machucar?”, “Será que vai dar certo?”, ou “Por que isso tem que acontecer?”.

Mente e crises de ansiedade

Sintomas

A ansiedade está ligada à nossa saúde mental. Porem, além dos sintomas psicológicos, sinais físicos também são notados, principalmente relacionados ao nosso comportamento. Podemos dividir o estresse da ansiedade em dois grupos, para ficar mais claro o entendimento:

Sintomas psíquicos

Medos ou transtornos irracionais exagerados, medo de se relacionar, lembranças ruins, perfeccionismo e preocupação em obter feedback positivo de suas ações, pânico, medo de falar em público, comportamento compulsivo, medo de sair;

Sintomas físicos

Insônia, hábito de roer unhas, tensão muscular, dores e enjoos, agitação física.

Qual o seu grau de ansiedade?

Encontramos na web um teste online com dez perguntas para você se auto-avaliar e medir qual é o seu grau de ansiedade. Mas lembre-se: É apenas um pequeno teste, e mesmo que dê um resultado normal, considere o peso de cada resposta.

Clique aqui e faça o teste (IG)

Em tempos de grandes obstáculos financeiros como os de hoje, chega a ser normal um alto grau de ansiedade e um alto índice de pessoas nesse estágio. Nesse momento, o mais importante é investir nossas energias e pensamentos em situações de autocontrole.

Tratamentos existem vários, desde sessões com o psicólogo e o uso de medicamentos ansiolíticos e antidepressivos até a prática de esportes e atividades que trabalham o corpo e o relaxamento, como yoga e pilates.

Yoga contra crises de ansiedade

Veja mais

Confira 6 maneiras simples de aliviar o estresse

Estresse no trabalho? Confira dicas para manter a calma

Você dorme bem? 30 dicas que vão te ajudar a ter um sono melhor

Espante o estresse com a prática do mindfulness

As dicas dos posts relacionados acima nos ajudam a espantar o estresse e a concentrar melhor, aumentando também nosso poder de controlar as crises de ansiedade. Uma mente bem preparada é um grande passo para tornar esse controle maior.

Remédios podem até nos ajudar a anestesiar a mente e sessões de terapia também são de grande valor graças aos conselhos médicos. Porém, acima de tudo, a adoção de um estilo de vida mais saudável proporciona ganhos muito significativos.

Ainda está ansioso? Respire fundo e vá viver! Não se deixe ser controlado pelas crises de ansiedade ou pelo medo do que está por vir. Quem sabe uma boa caminhada não é o começo de tudo?

E lembre-se também de estar com a saúde em dia. Um bom check-up te dá o diagnóstico exato do que você deve fazer para sua vida ficar cada vez saudável e melhor. Use seu plano de saúde e consulte seu médico regularmente!

Facebook Comments
%d blogueiros gostam disto: