10 bairros com maior registro de roubos em BH

Toda capital ou região metropolitana registra índices altos de roubos e furtos e, nos dias atuais, estar alerta nem sempre é sinônimo de segurança. De acordo com o levantamento da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), o número de crimes contra o patrimônio passou de 43 mil registros em um ano, aumentando em quase 100% em 5 anos.

Diante destes números, a média de roubos é de 130 ocorrências por dia. Celulares e pertences são a maioria, chegando a 70% dos casos. Somente o roubo de veículos chega a média de 22 ocorrências diárias.

Recorrência do infrator

Um dos desafios das instituições de segurança pública para reduzir os crimes na capital mineira está na repetência criminal, representada por indivíduos que cometem novos delitos após serem soltas pela Justiça. Segundo a Polícia Militar, a repetência chega a ser 42% do total de registros.

BH é a 3ª cidade com mais roubos

No site Onde Fui Roubado, os usuários podem registrar suas ocorrências a fins de estatística e informação. A ferramenta permite medir índices como tipos de crimes mais cometidos e locais mais visados das cidades brasileiras. No ranking do site, Belo Horizonte é a terceira cidade em número de registros.

Roubos e furtos nas ruas, arrombamento veicular, roubo do veículo, assalto a grupo e arrombamento domiciliar são os casos mais registrados pelo site.

Confira os 10 bairros mais perigosos de BH segundo o Onde Fui Roubado:

1º – Centro

2º – Funcionários

3º – Santa Efigênia

4º – Serra

5º – Santo Antônio

6º – São Pedro

7º – Cruzeiro

8º – Sion

9º – Lourdes

10º – Floresta

Seguros para tudo

A melhor maneira de ficar tranquilo é contratar um seguro. Desde o seguro de vida até seguros para eletrônicos, opções não faltam. Sem falar nos planos de saúde, que facilitam e muito quando você precisar de um atendimento de urgência. Estar preparado é a melhor escolha. Conte com a Araújo Braz Corretora de Seguros, ao seu lado sempre.

Facebook Comments
%d blogueiros gostam disto: